Submarino.com.br
Juliana Dacoregio Rotating Header Image

Senso crítico

Você nunca se achou desprezível? Desculpe-me, mas se a resposta é não, isso é uma mostra mais de ignorância do que de auto-estima. Às vezes somos todos tão vendidos, deslumbrados, mentirosos. Iludidos tentando iludir os outros. Você nunca percebeu? Você nunca se sentiu uma fraude? É, então você faz parte de certos grupos privilegiados como as crianças, os deficientes mentais, os de baixíssimo Q.I e pouca percepção do que acontece ao seu redor.

Be Sociable, Share!

9 Comentários on “Senso crítico”

  1. #1 Rogério Silva
    on Jun 5th, 2011 at 19:22

    Onde fica o botão de “curtir”?

  2. #2 Jackson Fernandes
    on Jun 5th, 2011 at 21:15

    RT @TopsyRT: Senso crítico http://t.co/4H2bbXT

  3. #3 Ricardo Chicuta
    on Jun 6th, 2011 at 14:35

    Sou uma fraude ambulante e gosto.Vou mudar não.

  4. #4 Emanuel Campos
    on Jun 6th, 2011 at 14:41

    Eu me frustro cada vez que frustro a alguém, e é quase o tempo todo nestes últimos dias….

  5. #5 Lucas Quinamo
    on Jun 6th, 2011 at 18:33

    Eu também cara, fico me sentindo um lixo, ou melhor (ou seria pior?), fico me sentindo o chorume.

  6. #6 rayssa gon
    on Jun 10th, 2011 at 05:06

    post impagavel.

    ‘grupos privilegiados” foi de uma sinceridade acida muito rara. :D

  7. #7 Ricardo Chicuta
    on Jun 14th, 2011 at 05:13

    RT @TopsyRT: Senso crítico http://t.co/wdQzBbX

  8. #8 Juliana Dacoregio
    on Jun 14th, 2011 at 05:26

    RT @TopsyRT: Senso crítico http://t.co/wdQzBbX

  9. #9 Helen Araujo
    on Aug 20th, 2011 at 05:58

    Bom, eu acho que o nome disso é culpa. Sente isso quem tem o mínimo de vergonha na cara. Todavia, esse reconhecimento não nos faz menos culpados, apenas nos faz um pouco mais sinceros do que os outros que teimam em continuar c/ o engano. Qto mais cedo admitimos quem somos p/ nós mesmos e p/ os outros, mais tempo teremos p/ melhorar, se assim desejarmos, é claro. Nenhuma mudança acontecerá eqto houver comodismo e satisfação c/ as imperfeições do ser. Tem gnt que acha que ser rebelde é ser errado, e por gostar de ser ‘do contra’ prefere pertencer ao “seleto grupo” de seres humanos mesquinhos e egoístas que acham que o mundo gira em torno do próprio umbigo. Eu acho (e é achismo mesmo) e prefiro diferente. Quem não se permite refletir profundamente sobre o sentido real e mais completo p/ a própria vida, estaciona no tempo. Na vida. Ninguém que permanece imutável é rebelde, é um idiota que não sabe o que é experimentar ir além do que supõe ser a vida. Revolucionar é evoluir, rebelar-se é aperfeiçoar-se.

Deixe um comentário